No seu blogue Da Rússia José Milhazes tem vindo a publicar uma série de documentos e notas de leitura de fontes e livros russos sobre a história de Portugal, em particular a história do PCP e dos movimentos anti-coloniais.  O objectivo dessa série é assim referido pelo seu autor:

Este bloco tem como objectivo central fazer chegar aos seus leitores notícias e comentários sobre a situação na Rússia e nos restantes 14 países que antes faziam parte da União Soviética. Porém, pretendemos também publicar documentos, fotografias e outros materiais que testemunhem os contactos entre Portugal e esses países.

Por isso, vamos criar esta nova rubrica Contributos para a História de Portugal. Não será regular, nem estará cronologicamente organizada, mas, à medida que formos encontrando notas nos velhos cadernos de estudante ou nas disquetes que depois os vieram substituir, iremos publicá-las. E para que não fique margem para dúvidas, revelaremos também de que livros e arquivos essas notas foram extraídas.

Excusado será dizer que estaremos abertos a memórias e escritos que completem o que iremos publicar.

 Na série dos "Contributos" inclui-se:

 nº 1 – Dois documentos do Arquivo da Fundação Gorbatchov sobre  a viagem de Cunhal à China em 1985

Fundo N.º 2, descrição N.º 1, N.º 14, 11 de Maio de 1986

Nota de A.S. Tcherniaev [assessor de Mikhail Gorbatchov] sobre a possibilidade de uma conversa com uma delegação parlamentar da Grã-Bretanha e com o camarada Cunhal (Portugal)

Fundo N.º 2, descrição N.º 2

Bureau Político do Partido Comunista da União Soviética (decisão) 22 de Maio de 1986 Sobre a China.

 nº 2 – Documento do Arquivo da Fundação Gorbatchov.

Fundo N.º 1 – Materiais de M. S. GorbatchovDescrição N.º 1Notas de conversas com activistas sociais, dirigentes de Estados e Governos estrangeiros (1986-1991) – Notas da conversa de M. S. Gorbatchov com A. Cunhal, Secretário-geral do PCP, 29 de Dezembro de 1986

 

nº 3 – Excertos das memórias ainda não publicadas de Piotr Evsiukov: “A URSS e a luta pela libertação das colónias portuguesas em África”, reveladas pelo historiador russo Vladimir Chubin. 

Evsiukov foi o funcionário soviético que, durante 15 anos, dirigiu os contactos com os movimentos de libertação nas ex-colónias portuguesas.

 

nº 4 – Extracto das memórias de Karen Brutentz, antigo vice-presidente da Secção Internacional do Comité Central do Partido Comunista da União Soviética (PCUS),  relacionado com  tentativa de golpe militar de Nito Alves, em 1977 em Angola.

 

nº 5 – Treino de guerrilheiros na  aldeia de Perevalnoe, no quilómetro 21 da estrada Simferopol-Aluchta, na Crimeia, esteve instalado, entre 1965 e 1990, o Centro de Treino Nº 165 para Preparação de Militares Estrangeiros junto do Ministério da Defesa da União Soviética.

 

nº 6 – Operação do navio soviético  “Experiente” na Costa da Guiné no dia do  assassinato de Amílcar Cabral,  a 20 de Janeiro de 1973.

Advertisements

Um pensamento sobre “

  1. Uma das noticias de Milhases, acerca do (não) reconhecimento de Holden Roberto em 1963 por Krushev devido à intervenção de última hora de Cunhal, já fora descrita em pormenor num número da revista Visão em 1995. Mas não deixa de ser interessante, mais para se conhecer o caracter impulsivo e “mal informado” de Krushev do que por outra coisa…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s