(Caneças – Loures, 1915 -10/5/2003)

Pseudónimos : “Loureiro”, “Louro”, “Neto”

Empregado bancário (no Banco Espírito Santo), lugar que abandona em 1938 para passar à clandestinidade. Militante do PCP desde 1934, do CC desde 1936 e do Secretariado desde 1938. Faz parte do CR de Lisboa até 1939, como coordenador da agitação e responsável da distribuição da imprensa nas cinco zonas de Lisboa.

Segundo alguns testemunhos, teria sugerido a Bento Gonçalves a possibilidade de “roubar” 500.000$00 do banco para o partido, hipótese que Gonçalves rejeitou. ”Pavel” informava, em 1938, a IC de que se tratava de um “camarada activo, fiel ao partido e disciplinado. Goza da confiança entre os camaradas”. “Ficamos com boa impressão do seu trabalho.”, anota Blagoeva.

Passa à clandestinidade em 1938, vivendo em Amiais de Baixo (Santarém) mantendo-se nessa condição até 1943. Membro do Secretariado à data da “reorganização” (junto com Vasco de Carvalho) , foi duramente atacado como responsável do “grupelho provocatório” . Depois de durante algum tempo colaborar com Vasco de Carvalho na resistência à “reorganização”, acabou por abandonar a direcção do partido devido às críticas e pressões dos “reorganizadores”. A atitude ambígua de Sacavém, não evitou a sua expulsão em 1941, ratificada em III Congresso em 1943.

Devido a ter-se afastado do chamado “grupelho”, a atitude da nova direcção do PCP foi mais conciliatória com Sacavém do que com Vasco de Carvalho. Sacavém manteve-se até ao 25 de Abril nas franjas do partido, participando nas suas iniciativas “unitárias”. Isso levou-o a ser preso em 1953 , em conjunto com os membros do grupo que esperava Maria Lamas.

Depois do 25 de Abril voltou ao PCP onde militava no Centro de trabalho de Caneças, terra de sua naturalidade.

Fontes:

Avante! , 29/5/2003

Avante!, 3, Outubro 1941 (expulsão)

[Blagoeva] , Informação – Secreto, 1/9/1938 (Arquivos da IC)

(O C.C. do PCP (SPIC) ),O Menino da Mata e o seu Cäo “Piloto”, (Lisboa) ,Colecçäo (Azul), (Novembro 1941)

Duarte [Álvaro Cunhal] A Actividade do Grupelho Provocatório, Avante!, s.l., 1944

I Congresso do Partido Comunista Português – Resoluções, Lisboa, Editorial Avante, 1943

Francisco Ferreira , Entrevista ao autor

José Pacheco Pereira, Álvaro Cunhal – Uma Biografia Política, Vol. II , Lisboa, Círculo de Leitores, 2001

Processos no ANTT – PIDE/DGS

Processo: SC SPS 854 (NT 4299)

Processo: SC RGP 21425

Processo: SC PC 117/53 (NT 5087)

Processo: DEL P PI 28599 (NT 3896)

Anúncios