Metalúrgico (torneiro de metal).
Editor em 1912 do Jornal Germinal de Setúbal. Preso em 1919, foi signatário do primeiro manifesto da Federação Maximalista. EM 1921 fez parte da Comissão Geral de Educação e Propaganda do PCP e, na crise do partido de 1923, apoia o grupo de Rates. Participa no I Congresso do PCP em 1923, de que permanece activista em 1924.
Como activista sindical fez parte da comissão técnica do Sindicato Unitário das Classes Metalúrgicas de Lisboa.

Anúncios